Ceni defende trabalho no São Paulo, lamenta falta de investimento e deixa futuro no Fortaleza em aberto

A passagem de Rogério Ceni pelo São Paulo ainda é assunto mesmo o treinador estando no comando do Fortaleza uma temporada depois da demissão. Atual líder da Série B com o Leão, o comandante falou da sua passagem pelo Tricolor e lamentou a falta de dinheiro para contratação.

“Ah, eu acho que a gente nunca é injustiçado. Não pode ficar se lamentando. Foi uma grande oportunidades. Nós vendemos R$ 180 milhões em jogadores. Nosso grupo que foi para a Florida Cup tinha 12 jogadores formados em Cotia, ou seja, quase 50% do elenco“, contou Ceni em entrevista ao ex-treinador Muricy Ramalho.

“Ano passado nós montamos um time com menos de R$ 1 milhão e esse ano foi investido mais de R$ 50 milhões para investir para montar o time. Tem uma grande diferença, mas de alguma forma demos lucro. Mas lógico que gostaria de ter ficado mais tempo, completado o ano“, completou.

Em 2018, o São Paulo não economizou para tentar acabar com o jejum de seis anos sem títulos e gastou com Diego Souza, Everton, Jean, Tréllez, Gonzalo Carneiro e Everton Felipe. Ainda trouxe Bruno Peres, da Roma-ITA, por empréstimo para repor a venda de Militão ao Porto.

Muricy Ramalho lembrou que teve um início como treinador do Tricolor conturbado e alcançou o sucesso em seu retorno, e questionou se o ex-goleiro deseja retornar. “Quem sabe um dia apareça a oportunidade. Se eu for merecedor, se tiver alguém no futuro lá dentro e eu no momento ok, não tem porque não acontecer“, destacou.

Com as duas mãos no título da Série B, o trabalho de Ceni é visto com bons olhos no mercado, vê boatos de possível ida a Flamengo e só quer pensar no que fazer em 2019 após o fim da atual temporada. “Depois de eu entregar o que me comprometi aqui no Fortaleza, que é se manter entre os primeiros e dar a arrancada para a vaga na Série A…. Depois eu vou pensar e ver o que fazer”, disse, sem descartar uma permanência no clube“, finalizou.

Anúncios

Rogério Ceni elogia são paulino e torcida repercute de forma inesperada

​O ​São Paulo busca um substituto para Rogério Ceni desde a sua aposentadoria, em 2015. Vários atletas foram utilizados na posição, porém, nenhum deles se firmou como, sempre deixando em aberto espaço para críticas.

Nesse domingo, em participação no ​Resenha Espn, Ceni aproveitou para exaltar o goleiro Sidão, que vem sendo titular do técnico Diego Aguirre na briga pelo título brasileiro.

”Eu acho que o Sidão tem sido um dos grandes goleiros do campeonato. É um time forte, alto, ele trabalha bem com os pés, tranquilo, com a faixa de capitão… Não é para qualquer um. O Sidão pode ser o goleiro do novo título Brasileiro”, declarou.

Porém, mesmo com o São Paulo na liderança, Sidão continua recebendo questionamentos dos torcedores. Nas redes sociais, muitos internautas repercutiram a fala do ídolo, já que a sua contratação foi um pedido da época que ele treinava o clube.

jason@jasongomesfe

Por isso que o Rogério Ceni é tão narigudo, mentir demais faz o nariz crescer, ñ precisava o Ceni criticar o Sidão, mais também não precisava falar isso, nós torcedores ñ somos trouxas
Mais segue o jogo

spfc24horas.com.br@SPFC24Horas_

🎙️ Rogério Ceni sobre Sidão:

“O Sidão vem jogando muito bem pelo São Paulo, melhor do que ano passado, quando eu trouxe. Talvez fosse uma grande novidade um clube como o São Paulo. O Sidão vem sendo um dos grandes goleiros do campeonato, o São Paulo toma poucos gols”

​​

Renata Hazard@rehmontenegro

Rogério Ceni defendendo o Sidão… Só pode ter sido ironia

​​

Emerson🚶‍♂️@emersonchip

Rogério Ceni elogiou tanto o Sidão ontem, que se eu fosse o São Paulo mandava ele pro @FortalezaEC

Rivaldo Gomez@RivaldoGomez05

Concordo! O Ceni falar que o Sidão é um dos melhores goleiros do campeonato, foi insano!

Lene Santana 🇾🇪 Ari 🔴⚪⚫👊@LeneSantanna

Contesto sim. O fato de Rogério Ceni ser meu ídolo, não quer dizer que ele seja o dono da verdade. E claro que Ceni vai elogiar Sidão, até porque o questionado Sidão veio para o São Paulo com aval de Ceni. Continuo com minha opinão. Sidão é frangueiro, fraco e chama gol.

Miranda escala Ceni e mais dois ex-são-paulinos no seu time dos sonhos; confira

Miranda, titular da seleção brasileira e um dos homens de confiança de Tite, ‘imitou’ o treinador por um dia e escalou seu time dos sonhos da carreira. A pedido do GloboEsporte.com, o zagueiro usou o clássico sistema do 4-4-2 para montar sua equipe só com jogadores com quem jogou ao lado.

Tricampeão brasileiro pelo São Paulo, Miranda reconheceu três ex-são-paulinos que fez fez história junto consigo. No gol, Rogério Ceni foi unanimidade dentre todos em que jogou junto. Na zaga, Alex Silva, seu companheiro nos títulos brasileiros de 2006 e 2007, foi o escolhido. Atualmente o defensor está no Jorge Willstermann-BOL.

Já no meio-campo, Hernanes foi escalado pelo zagueiro de 33 anos. O ‘Profeta’ foi tricampeão brasileiro ao lado do atual jogador da Inter de Milão.

No mais os jogadores escalados por Miranda em seu time dos sonhos atuaram ao seu lado na Europa ou na seleção brasileira. Destaque para Filipe Luis e Rafinha, nas laterais, Diego, no meio-campo, e o hispano-brasileiro Diego Costa.

CONFIRA O TIME DOS SONHOS DO MIRANDA

Rogério Ceni; Rafinha, Godín, Alex Silva e Filipe Luis; Brozovic, Hernanes, Koke e Diego; Diego Costa e Falcao Garcia

Em fevereiro deste ano, Miranda projetou sua volta ao Brasil apenas em 2019. Identificado com o São Paulo, ele admitiu prioridade ao clube do Morumbi.

“Tenho um carinho grande pelo São Paulo, pelo torcedor são-paulino, e a prioridade se eu voltar seria o São Paulo. Mas sou profissional, se um dia voltar vai depender das propostas. Se for mais ou menos igual ao parecida, vou escolher o São Paulo porque lá foi minha casa durante muito tempo, então tenho um carinho muito grande”, disse o zagueiro.