São Paulo empresta meia ao América-MG

O São Paulo segue diminuindo o número de atletas sem espaço no seu elenco em 2019. O meio-campista Geovane, formado nas categorias de base do clube foi emprestado ao América-MG.

O contrato de empréstimo é válido até dezembro deste ano, quando também termina o vínculo do atleta de 21 anos com o time do Morumbi.

Natural de Jacobina (BA), Geovane começou na base do Vitória. O garoto se transferiu ao São Paulo em 2015 depois de defender a seleção brasileira sub-17 no Mundial da categoria.

Pelo clube paulista, já em 2016, Geovane conquistou a Copa do Brasil Sub-20. Depois, em 2018, o meio-campista conquistou o Campeonato Brasileiro de Aspirantes, sendo peça fundamental na competição e atuando em todas as 17 partidas da competição.

Nesta temporada, Geovane estava emprestado ao Louletano, de Portugal, onde disputou a terceira divisão do campeonato nacional (17 jogos e 5 gols anotados na passagem pela Europa).

Elogios do novo comandante
A chegada de Geovane foi comemorada pelo técnico do América-MG, Maurício Barbieri.

“O Geovane é um meia da base do São Paulo. É um jogador muito técnico, que pode jogar até mesmo como um segundo volante, um meia de bastante chegada. É um jogador bastante dinâmico, um jogador jovem. É uma opção que a gente ganha até para situações de segundo tempo. Nada impede de ele iniciar, caso mostre potencial de jogo. Mas a gente ganha como opção de dar mais qualidade no meio e ficar um pouco mais com a bola em melhores situações”, declarou o comandante.

O Coelho se encontra atualmente na zona de rebaixamento da Série B, com apenas cinco pontos em oito jogos disputados.

Ficha do jogador
Nome completo: Geovane Nascimento Silva
Data de nascimento: 15/6/1998
Local de nascimento: Jacobina (BA)
Altura: 1,70 m
Clubes: Vitória-BA (2015), São Paulo-SP (2015 a 2018) e Louletano-POR (2018 a 2019)
Principais títulos: Copa do Brasil Sub-20 (2016) e Campeonato Brasileiro de Aspirantes (2018)

 

Fonte: Torcedores.com

Anúncios

São Paulo entra na briga com Fluminense por goleiro para 2019

João Ricardo deve pintar em time grande na temporada de 2019. O contrato do goleiro com o América-MG termina de Dezembro de 2018 e o time mineiro tenta, sem sucesso, desde Janeiro renovar o pacto com o atleta.

Na próxima semana, de acordo com o empresário que representa o jogador, haverá uma última reunião com o América Mineiro. Mas Flávio disse também que a chance é muito pequena de haver sucesso de renovação, pois existem propostas de dois times grandes do Brasil que acompanham o goleiro há algum tempo.

João Ricardo tem proposta oficial do Fluminense e sondagem sem proposta do São Paulo, que vive momento de crise no gol.

João Ricardo tem 29 anos de idade, chegou ao América-MG em 2014 e é titular absoluto desde 2015 com grandes atuações e muita segurança.

 

Fonte: Blog do Jorge Nicola

Raí não se abala com tropeço e garante São Paulo na briga até o fim

O São Paulo empatou no Morumbi com o América-MG, no último sábado, e tem só a 11ª melhor campanha do segundo turno do Brasileirão. De acordo com o Infobola, site do matemático Tristão Garcia, o líder Tricolor tem menos chance de título (22%) do que Palmeiras (36%) e Internacional (33%). Mas Raí, diretor-executivo de futebol do clube, garante que não há motivo para pânico.

– O fato, fora os estudos, é que faltam 12 rodadas e o São Paulo está na liderança. Tem um ponto à frente e tem um grupo muito forte, em campo e mentalmente, comprometido entre eles. É um grupo maduro e muito solidário. Eles se sentem bem juntos, isso é importantíssimo. É difícil medir uma probabilidade, saber quem vai vencer. A gente está otimista e a briga vai ser grande. É natural que existam estudos, que se vislumbre um campeonato bastante equilibrado, esse é o normal. A gente sabe que agora está no sprint final – disse o ídolo, em entrevista à Rádio Globo nesta segunda-feira.

– A gente teve um jogaço contra o Atlético-MG (derrota por 1 a 0). A gente sabe que houve sequências melhores do que a desses últimos jogos, mas nosso time conseguiu um padrão de jogo. No sábado teve várias chances de matar o jogo, foi até melhor no segundo tempo do que no primeiro, mas o futebol muitas vezes não perdoa quando você não mata o jogo. A torcida obviamente fica chateada, mas eles podem ter certeza de que o grupo que trouxe o São Paulo até a liderança está forte, está com o otimismo intocável e vamos assim até o fim – emendou.

O São Paulo somou só 10 dos 21 pontos que disputou no segundo turno, mas Raí destacou o equilíbrio da disputa. Se tivesse vencido o América-MG, o time teria 12 pontos nesta etapa do torneio e só estaria atrás do Palmeiras, que fez 17. O crescimento do rival, que virou o turno oito pontos atrás do Tricolor e agora está com apenas um a menos, deixou a briga ainda mais acirrada. Depois de visitar o Botafogo, domingo, o São Paulo vai encarar justamente o Palmeiras, no Morumbi. Depois duelará fora de casa contra o Inter, outro que está um ponto abaixo.

– Hoje a gente já tem um caminho traçado no campeonato, então a gente não analisa só o momento. Esse equilíbrio se mostra nos pontos. Se a gente tivesse vencido o América nessa partida, estaríamos em segundo no returno. São poucos pontos que fazem a diferença, então temos que manter o foco no jogo a jogo. Isso não é uma coisa que nos preocupa, a confiança está mantida e sabemos que vamos estar brigando pelas primeiras colocações até o fim do campeonato – disse o dirigente.

São Paulo x América-MG: saiba como assistir ao jogo do Brasileirão AO VIVO na TV

São Paulo x América-MG se enfrentam nesta tarde de sábado (22), em partida válida pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. O confronto terá início às 16h (horário de Brasília) e acontecerá no Morumbi, estádio onde o São Paulo realiza seus compromissos como equipe mandante.

São Paulo x América-MG ao vivo na TV

São Paulo x América-MG terá transmissão ao vivo dos canais Premiere, Premiere HD e PFCI. Os comentários e a narração estarão ao encargo de Milton Leite e Mauricio Noriega no canal esportivo de sinal fechado.

São Paulo

O São Paulo lidera a atual edição do Brasileirão Série A, com 50 pontos conquistados, e não poderá perder pontos diante do América se quiser manter a 1ª colocação na tabela da competição. Sob os comandos do técnico Diego Aguirre, o tricolor paulista perdeu apenas um de seus últimos cinco compromissos e vive boa fase na temporada.

Diego Souza, Nenê e Éverton são os principais nomes do tricolor paulista na atual edição do campeonato nacional de pontos corridos. Na última rodada, o São Paulo empatou com o Santos, placar de 0x0, em partida disputada fora de casa.

América-MG

O América-MG surpreendeu na edição 2018 do Campeonato Brasileiro, mas ainda luta contra o rebaixamento à segunda divisão do futebol nacional. Comandado pelo técnico Adilson Batista, o time mineiro já conquistou alguns resultados importantes na temporada e espera surpreender o São Paulo no Morumbi para se manter afastado do Z4.

O América vem de derrota no Brasileirão, placar de 1×0 para o Botafogo, em partida disputada no Rio de Janeiro.

E você torcedor, confiante na vitória do seu time? Deixe sua opinião nos comentários.

São Paulo recebe o América-MG de olho em respiro raro na liderança

O São Paulo vem brigando ponto a ponto com o Internacional pela dianteira do Campeonato Brasileiro. Por isso, vencer o América-MG neste sábado, às 16h, no Morumbi, significará não só a garantia de permanecer à frente da concorrência por mais uma rodada como poderá representar um raro respiro ao time em meio à disputa acirrada desta edição.

Com 50 pontos, um à frente dos gaúchos na tabela, a equipe de Diego Aguirre abrirá quatro caso saia de campo vencedora nesta tarde. O Inter só joga no domingo, quando vai visitar o Corinthians em Itaquera. Caso o rival direto perca seu jogo, e o Palmeiras não vença o Sport na Ilha do Retiro (também no domingo), o São Paulo atingirá a maior vantagem como líder desde que alcançou o topo pela primeira vez, ao fim da 17ª rodada.

Naquela ocasião, após vencer o Vasco (2 a 1), o time tricolor ficou um ponto à frente do então vice-líder Flamengo. Depois disso, a maior distância que ele conseguiu foi de três pontos. Veja rodada a rodada como foi:

17ª rodada

Líder: São Paulo (35 pontos)

Vice: Flamengo (34)

18ª

Líder: São Paulo (38)

Vice: Flamengo (37)

19ª

Líder: São Paulo (41)

Vice: Internacional (38)

20ª

Líder: São Paulo (42)

Vice: Internacional (41)

21ª

Líder: São Paulo (45)

Vice: Internacional (42)

22ª

Líder: São Paulo (46)

Vice: Internacional (43)

23ª

Líder: Internacional (46) – melhor saldo

Vice: São Paulo (46)

24ª

Líder: Internacional (49) – melhor saldo

Vice: São Paulo (49)

25ª

Líder: São Paulo (50)

Vice: Internacional (49)

Curioso é que, a exemplo desta rodada, o São Paulo vem jogando quase sempre antes do Internacional, o que acaba dando aos gaúchos a “vantagem” de saber o que precisam fazer. Apenas duas vezes (20ª e 23ª rodadas), as equipes entraram em campo no mesmo horário.

Aguirre tem problemas para escalar o líder
Com duas baixas por lesão – Bruno Peres e Everton se recuperam de dores musculares – e outras duas por suspensão – Bruno Alves e Rojas receberam o terceiro amarelo na rodada anterior –, o técnico Diego Aguirre terá de mexer bastante na equipe.

Se optar pela formação com três zagueiros que utilizou no clássico contra o Santos, o uruguaio terá de promover o retorno de Rodrigo Caio, que perdeu posição no time após ficar um longo período se recuperando de lesão no pé esquerdo. Caso mande a campo o time no 4-4-2, o mais provável é que Edimar seja posicionado na lateral esquerda, e Reinaldo jogue adiantado na ponta, como já fez em outras oportunidades.

Do outro lado, Adilson Batista deverá promover mudanças no América-MG, atualmente 12º colocado, com 30 pontos. Recuperado de lesão, o meia Gerson Magrão treinou normalmente e pode voltar ao time. Giovanni e Norberto, machucados, seguem entregues ao departamento médico. Para o lugar deste último, o treinador estuda utilizar Aderlan.

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO: Sidão; Régis, Arboleda, Anderson Martins e Edimar; Jucilei, Hudson e Nenê; Everton Felipe (Rodrigo Caio), Diego Souza e Reinaldo. Técnico: Diego Aguirre.

AMÉRICA-MG: João Ricardo; Aderlan, Messias, Matheus Ferraz e Carlinhos; Leandro Donizete, David e Juninho; Gerson Magrão, Ruy e Wesley Pacheco. Técnico: Adilson Batista.

Juiz: Wilton Pereira Sampaio (GO).

Local: Morumbi.

Horário: 16h.

Na TV: Pay-Per-View.

Bruno Peres treina no São Paulo, mas ainda é dúvida contra o América

O mistério sobre a escalação do São Paulo aumentou na tarde desta sexta-feira, véspera da partida contra o América-MG, no Morumbi. Antes tido como provável desfalque, Bruno Peres participou do aquecimento com o grupo pela primeira vez na semana, mas ainda é dúvida para o duelo válido pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Como os jornalistas tiveram de deixar o CT da Barra Funda após a movimentação inicial, não se sabe se o lateral será titular ou reserva diante dos mineiros. Inclusive, não há nem garantias de que ele figure na lista de relacionados, que será divulgada após o treino.

Recuperado de um estiramento no adutor direito, que o afastou dos últimos três jogos, o lateral passou a semana realizando atividades físicas em separado no campo. Já Everton permaneceu em tratamento no Reffis e está descartado para o confronto. Assim como Bruno Alves e Joao Rojas, ambos suspensos.


Caso Bruno Peres inicie como titular, Régis surge como opção para jogar na ponta direita. Do contrário, o volante Araruna pode assumir a lateral.

Na esquerda, há duas alternativas: adiantar Reinaldo e começar com Edimar na lateral, ou manter o primeiro em sua função original e utilizar Liziero ou Everton Felipe na ponta. No miolo de zaga, Arboleda formará dupla com Anderson Martins.

Uma possível escalação tem Sidão; Araruna (Bruno Peres), Arboleda, Anderson Martins e Reinaldo (Edimar); Jucilei, Hudson e Nenê; Régis, Diego Souza e Liziero (Reinaldo).

Invicto no Morumbi, com nove vitórias e três empates, o São Paulo lidera o Campeonato Brasileiro com 50 pontos, um a mais do que o Internacional, que, no domingo, visita o Corinthians em Itaquera. Até o início desta tarde, o clube já havia vendido mais de 35 mil ingressos para o embate com o América-MG.

São Paulo chega a 35 mil ingressos vendidos para o duelo com o América

O São Paulo terá o apoio maciço de sua torcida no duelo com o América-MG, neste sábado, no Morumbi. Na manhã desta sexta-feira, o clube anunciou que já vendeu mais de 35 mil ingressos de forma antecipada para a partida válida pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.


As entradas da arquibancada laranja, da cadeira superior laranja e da cadeira térrea P2/P4 já estão esgotadas. O preço dos bilhetes varia de R$ 35 (arquibancada amarela norte) a R$ 190 (Morumbi Premium All-Inclusive leste).

Os ingressos estão sendo comercializados no site da Total Acesso e nas bilheterias do Ginásio do Ibirapuera, da Rua Javari e do Estádio Anacleto Campanella (das 11h às 17h). No Morumbi, o torcedor pode adquirir entradas apenas para as cadeiras.

Com a nova parcial, o São Paulo mantém a média de mais de 30 mil torcedores por jogo como mandante no Brasileirão. O clube, aliás, só fica atrás do Flamengo nesse quesito.

O apoio da torcida tem surtido efeito em campo. O Tricolor, ao lado do Internacional, detém o melhor desempenho como mandante no Brasileiro, com nove vitórias e três empates. “Jogar no Morumbi para nós, claro que é especial. O ambiente que a torcida proporciona ajuda demais o time”, disse Diego Souza.

O São Paulo lidera o Campeonato Brasileiro com 50 pontos, um a mais do que o Inter, segundo colocado. O América-MG, por sua vez, ocupa o 12º lugar, com 30 pontos.

Tricolor terá duas baixas importantes contra o América-MG

Everton vai desfalcar o São Paulo contra o América-MG, neste sábado, às 16h, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro. Ele ficou novamente no Reffis, nesta quinta-feira, dia de treino fechado no CT da Barra Funda.


Everton sentiu um desconforto na coxa esquerda no clássico contra o Santos, no último domingo, na Vila Belmiro. Nada grave foi detectado nos exames, mas ele tem dores em uma região 15 centímetros abaixo da lesão anterior.

É uma fibrose de um outro problema sofrido em 2015, quando ainda era do Flamengo. Segundo o site do Tricolor, dependendo da evolução, Everton pode ser liberado para trabalhar em campo nesta sexta.

Bruno Peres, por sua vez, treinou em campo separado do elenco. Mas também não deverá voltar diante do América-MG. Ele se recupera de um estiramento no músculo adutor da coxa direita, sofrido contra o Fluminense.

Quem joga?

Sem Everton e Bruno Peres, Diego Aguirre ensaiou duas formações diferentes em um treino tático com portões fechados. O técnico faz mistério e não revela o time.

Régis, liberado de suspensão, é uma das opções para substituir Bruno Peres. Diante do Santos, no entanto, Aguirre escalou três zagueiros e usou Arboleda pela direita. Além disso, Rojas e Bruno Alves estão suspensos.

Diante dos desfalques, Everton Felipe e Liziero são algumas das opções para entrar nos lugares de Everton e Rojas. Reinaldo adiantado pela ponta, com Edimar na lateral, é uma outra alternativa.

Totalmente recuperado de uma pancada no joelho direito, Rodrigo Caio também está à disposição. Ele não joga desde abril.

A possível escalação é a seguinte: Sidão; Anderson Martins, Arboleda e Rodrigo Caio (Régis); Everton Felipe (Régis), Jucilei, Hudson, Liziero e Reinaldo; Nenê e Diego Souza.


O São Paulo vendeu 28 mil ingressos antecipadamente para o jogo deste sábado. O time lidera o Brasileirão com 50 pontos, um acima do vice-líder Internacional.

São Paulo vende 28 mil ingressos, e Jucilei projeta jogo difícil no sábado

Líder do Campeonato Brasileiro, o São Paulo terá o apoio de sua torcida para manter o status no próximo sábado, às 16 horas (de Brasília), diante do América-MG, no Morumbi. Na manhã desta quinta-feira, o clube divulgou uma nova parcial de ingressos: já são 28 mil vendidos para o duelo válido pela 26ª rodada da competição nacional.

As entradas para a arquibancada laranja já estão esgotadas. Para os outros setores, ainda há bilhetes disponíveis.

Os ingressos estão sendo comercializados no site da Total Acesso e nas bilheterias do Ginásio do Ibirapuera, da Rua Javari e do Estádio Anacleto Campanella (das 11h às 17h). No Morumbi, o torcedor pode adquirir entradas apenas para as cadeiras.

Jogar com o Morumbi cheio tem sido normal para o São Paulo no Brasileirão. Tanto é que o clube ostenta a segunda melhor marca de público do torneio, com 37.320 torcedores em média durante os 12 jogos disputados até aqui em sua casa.

“A torcida tem feito a parte dela, como nós também temos feito em campo. Será mais um jogo difícil, como todos os outros. Em casa ou fora, o Brasileiro não tem jogo fácil, todos têm o mesmo valor, três pontos importantes”, disse o volante Jucilei.

O apoio maciço da torcida tem surtido efeito em campo. O Tricolor, ao lado do Internacional, detém o melhor desempenho como mandante no Brasileiro, com nove vitórias e três empates. Para conquistar o título, segundo Nenê, a equipe precisa manter o aproveitamento.

“Em casa, nós temos que garantir. Não importa se é o América-MG, Palmeiras ou Inter. Se a gente joga em casa, temos que ganhar os três pontos, senão a gente não consegue se manter na ponta. Não é obrigação, mas em casa temos de buscar a vitória”, ressaltou o camisa 10.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Após secar rival, Reinaldo prevê retranca do América no Morumbi

No último domingo, logo após o empate sem gols com o Santos, na Vila Belmiro, Reinaldo prometeu “secar” o Internacional, que defenderia a liderança do Campeonato Brasileiro contra a Chapecoense, em Santa Catarina, pelo complemento da 25ª rodada. E a estratégia funcionou.

Com a derrota dos gaúchos por 2 a 1, o São Paulo recuperou a dianteira na tabela de classificação, somando 50 pontos, um a mais do que o Colorado. Agora, o time dirigido por Diego Aguirre só depende de si para conquistar o heptacampeonato nacional.

“Se for bom para o São Paulo, sempre vou estar torcendo para a gente se manter no topo da tabela. Sempre torcendo pelo nosso Tricolor”, celebrou o lateral esquerdo, em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva.

Para se manter em primeiro lugar, o São Paulo aposta em seu desempenho como mandante. Com nove vitórias e três empates em casa, a equipe tem mais sete jogos para disputar no Morumbi. A começar pelo duelo com o América-MG, neste sábado.

Esperando um adversário fechado, Reinaldo explica como o São Paulo pode superar o bloqueio dos comandados de Adilson Batista, que tentam se manter distantes da zona de rebaixamento.

“Os times vêm ao Morumbi sempre com uma proposta de defender e sair no contra-ataque. Mas nossa equipe é experiente e vai saber jogar contra o América. O professor Aguirre vai armar a equipe da melhor forma possível para furar a retranca”, assegurou o camisa 14, que prosseguiu.

“Temos jogadores de qualidade individual para decidir a partida”, lembrou Reinaldo, ciente de que provavelmente atuará como ponta, já que Everton ainda se recupera de lesão. “Tem que estar pronto sempre. Se for para me botar na frente, vou fazer o meu melhor para ajudar o São Paulo a sair com o resultado positivo”, concluiu.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Reinaldo treina separado no São Paulo, mas não preocupa para sábado

O São Paulo se reapresentou nesta quarta-feira após o elenco ter ganhado folga no dia anterior. A atividade não contou com a presença do lateral-esquerdo Reinaldo, poupado devido ao cansaço muscular. No entanto, ele não preocupa e deverá jogar no sábado, contra o América-MG, no Morumbi, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.


Quem também fez trabalhos separados foram o lateral-direito Bruno Peres e o meia-atacante Everton. O primeiro segue seu processo de transição para o gramado, iniciado na terça-feira. Recuperando-se de lesão muscular no adutor direito, ele ainda é dúvida para a partida diante dos mineiros, assim como Everton, que ficou no Reffis e deve ir a campo nesta quinta para um teste. Se não sentir dores na coxa esquerda, como as que o tiraram do clássico do último domingo contra o Santos ainda no primeiro tempo, poderá ser relacionado pelo técnico Diego Aguirre.

Certo, por enquanto, são um retorno e duas baixas. Quem volta é o lateral-direito Régis, que cumpriu suspensão no San-São. Ele é a primeira opção de Aguirre caso Bruno Peres não se recupere até sábado. Já o zagueiro Bruno Alves e o atacante Rojas, que receberam o terceiro amarelo no domingo, cumprirão suspensão nesta rodada.


Líder com 50 pontos, o São Paulo tem um de vantagem na tabela sobre o Internacional. Os gaúchos jogarão no dia seguinte ao confronto tricolor: visitam o Corinthians, em Itaquera.

 

Fonte: Terra

São Paulo vende ingressos para jogo contra o América-MG

O São Paulo abriu a venda de ingressos ao público geral para o jogo deste sábado contra o América-MG, às 16h (de Brasília), no Morumbi, pela 26ª rodada do Brasileirão.

Há entradas disponíveis para todos os setores

veja os preços aqui!

Com 50 pontos, o São Paulo inicia a rodada na liderança do campeonato.

Ver imagem no TwitterVer imagem no Twitter

São Paulo FC

@SaoPauloFC

São Paulo x América-MG: venda de ingressos está aberta para toda a torcida! Garanta seu lugar para torcer pelo Tricolor no próximo sábado, no Morumbi 🇾🇪

Compre seu ingresso: http://spfc.vc/ingressos 

 

Veja os locais de venda:

Internet – site da Total Acesso: http://www.totalacesso.com

Pontos físicos

Ginásio do Ibirapuera
Rua Manuel da Nóbrega, 1.361 – Ibirapuera, São Paulo. Horário: 11h às 17h

Estádio Conde Rodolfo Crespi – Juventus
Rua Javari, 117 – Mooca, São Paulo. Horário: 11h às 17h

Estádio Anacleto Campanella
Rua Walter Tomé, 64 – São Caetano do Sul. Horário: 11h às 17h

Estádio Cicero Pompeu de Toledo
Bilheteria 01 Proprietários de Cativas vermelha e azul
Bilheteria 03 Venda torcedor comum somente cadeiras
Bilheteria Gerencia Social Atendimento Sócio do clube e proprietários de cativas vermelha e azul

 

Fonte: GE

Em um programa esportivo, Jucilei elogia torcida e projeta jogo contra o América-MG

Convidado do Seleção SporTV, Jucilei, do São Paulo, celebrou a boa fase dele e do time no Brasileirão. Líder do campeonato com 50 pontos, um a mais que o Internacional, que joga contra a Chapecoense nesta segunda-feira, o tricolor volta a campo no próximo sábado, contra o América-MG, no Morumbi.


– Costumo brincar com meus companheiros que estou vivendo um grande momento, fisicamente, família, e as coisas estão acontecendo para o São Paulo, estamos no topo, brigando por título, isso motiva o jogador – afirmou Jucilei.

O volante do São Paulo ainda elogiou a torcida tricolor, e projetou o confronto contra o América Mineiro, que terá o desfalque de Rojas, suspenso, e possivelmente de Éverton, que saiu lesionado da partida contra o Santos.

– A torcida tem feito a parte dela, como nós também temos nos jogos, temos um jogo difícil (contra o América-MG). Jogando em casa ou fora, Brasileirão não tem jogo fácil. Temos que ir em busca dos resultados – elogiou o volante.

– O São Paulo perde com a ausência deles, mas temos peças para suprir a necessidade dos jogadores – completou Jucilei.

Depois do empate em 1 a 1 contra o Santos, Jucilei também falou sobre marcar o “incansável” Rodrygo, de 17 anos, que deu trabalho para o São Paulo no clássico deste domingo.


– O Rodrygo é um jogador excepcional, muito rápido, tem que estar sempre próximo dele para não dar espaço para ele construir a jogada. Ele vai para cima o tempo todo, parece que não cansa, mas ontem eu consegui parar ele, estar próximo, não deixar ele avançar ao nosso gol – analisou Jucilei.

 

Fonte: SporTv