Neto detona diretoria do São Paulo e compara política do clube ao Regime Militar

O ex-jogador Neto disparou várias críticas à diretoria do São Paulo, na tarde desta terça-feira (11), no programa Os Donos da Bola. Na última segunda (10), veio à tona uma informação de que o clube paulista atrasou salários e direitos de imagem do elenco profissional.

“Lembram ano passado, quando eu falei que vocês não iam ter dinheiro pra pagar o Daniel Alves? Que vocês estavam com um déficit de 180 milhões? Que você Leco, pediu pros conselheiros do São Paulo uma ajuda pra liberar 33 milhões pra pagar tudo?”, questionou Neto.

“Vocês não tão pagando CLT, direito de imagem. Não sei se é só um mês e quando sai isso é porque o jogador falou”, acrescentou.

Neto também falou sobre o lado esportivo do São Paulo. O último título conquistado pelo Tricolor é a Copa Sul-Americana, em 2012.

“A vergonha que o torcedor são-paulino tá sofrendo vem de vocês todos. Vocês ainda não criam vergonha na cara pra fazer assim: ‘eu não sou mais soberano, eu posso voltar a ser’. Vocês continuam achando que são os soberanos e não sai mais”, opinou.

Por fim, Neto comparou a política interna do São Paulo ao Regime Militar, que ocorreu entre 1964 e 1985, no Brasil.

“Vocês não são mais exemplo pros outros clubes. Democraticamente vocês deixaram de ser democráticos. O que vocês viraram? É isso que aconteceu em 64. É por isso que o São Paulo tá desse jeito”, concluiu.

via: Torcedores

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.