São Paulo tem três desfalques por suspensão na estreia da Libertadores

O São Paulo foi informado pela Conmebol que terá três baixas importantes para a estreia na Copa Libertadores contra o Binacional, do Peru, no dia 5 de março, às 21h (de Brasília).

A entidade máxima do futebol sul-americano anunciou os jogadores e profissionais que ainda têm suspensão a cumprir em suas competições e os nomes de Brenner, Everton e o técnico Fernando Diniz.

O meia-atacante Everton foi expulso no empate sem gols do Tricolor com o Talleres, da Argentina, em jogo da fase de pré-Libertadores no ano passado.

Brenner acabou expulso na vitória do São Paulo por 1 a 0 para o Colón, da Argentina, pela Copa Sul-Americana de 2018, e pegou dois jogos de punição. Ele já cumpriu uma partida no jogo de volta daquele ano e tem um a pagar.

Já Fernando Diniz acabou suspenso pela Conmebol ainda quando era comandante do Fluminense. Na vitória do Tricolor sobre o Peñarol, do Uruguai, no Maracanã, o treinador atrasou em dois minutos o reinínio do jogo e foi punido com um jogo.

O auxiliar Márcio Araújo ficou no banco de reseras no lugar de Diniz em suspensão e deve ficar no lugar. Já Everton e Brenner disputam posição no time e ficarão fora das opções para a partida.

MUDANÇA DE HORÁRIO
Anteriormente, o duelo Binacional x São Paulo estava marcado marcado para às 23h (de Brasília) no dia 05 de março, mas a Conmebol decidiu antecipar o horário do confronto em duas horas.

Torcedores.com

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.