Anúncios
Futebol Home São Paulo Times

Cruzeiro se impõe, bate o São Paulo, mas segue na zona de rebaixamento

Equipe mineira cria inúmeras oportunidades e encerra incômodo jejum sem vitórias no Campeonato Brasileiro. Thiago Neves marcou o único gol do jogo

Cruzeiro finalmente venceu. Depois de uma longa série negativa no Campeonato Brasileiro, a equipe mineira se reencontrou com os resultados positivos nesta quarta-feira, ao bater o São Paulo por 1 a 0 no Mineirão. Thiago Neves foi o autor do gol.

Com esse resultado, o Cruzeiro respira um pouco no campeonato, mas, com 25 pontos, continua na 18ª colocação, ainda na zona de rebaixamento. Já o São Paulo, com 43, segue em 5º. Na próxima rodada, enquanto o clube mineiro encara o Corinthians no sábado, os paulistas recebem o Avaí, no Morumbi, na tarde de domingo.

O jogo

Apesar das equipes estarem em situação bastante diferente na tabela, o panorama no primeiro temo foi de bastante equilíbrio. Faltou ao time mineiro, porém, ter melhor qualidade no último passe para levar maior perigo ao gol adversário. Na primeira etapa, os lances de maior perigo foram em chutes de fora da área de Egídio e Thiago Neves e também em erros de saída de bola do São Paulo, quando o camisa 10 perdeu uma grande chance.

Do lado paulista, as melhores oportunidades foram em chutes de Tchê Tchê e Daniel Alves de fora da área. Já na reta final da primeira etapa, Alexandre Pato fez boa jogada, mas errou na hora de finalizar, com a bola ficando nas mãos de Fábio.

E logo no primeiuro lance de perigo já ficou claro que o segundo tempo seria mais quente. Após mais uma saída de bola errada do São Paulo, Thiago Neves recebeu dentro da área e chutou forte, obrigando Tiago Volpi a fazer uma grande defesa. Aos 9, mais uma grande oportunidade do camisa 10, que foi travado por Arboleda na hora do chute.

Mas na terceira oportunidade, Thiago Neves não perdoou. Após cruzamento da direita, ele pulou para cabecear e finalmente vencer Tiago Volpi.

Nem mesmo a desvantagem no placar fez o time do São Paulo ser mais efetivo. Com muitos erros de passe e até certa displicência, a equipe quase não ameaçou o gol de Fábio. Já nos acréscimos, Reinaldo tentou chute, mas a bola foi para fora.

R7

 

 

Anúncios

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.