Anúncios
Futebol Home São Paulo Times

R$ 130 MILHÕES: Nos últimos 3 anos, São Paulo investiu este valor centroavantes; veja

Há três anos o São Paulo tenta achar uma solução de longo prazo para a posição de centroavante. Foram 12 jogadores contratados para ela neste período.

A esperança atual é Raniel. Contratado em julho deste ano por 3 milhões de euros (cerca de R$ 13 milhões), ele foi titular em 7 dos últimos 8 jogos.

Anotou dois gols. Um a favor (contra a Chapecoense) e outro contra (diante do Santos).

Mesmo assim, quando ele não pôde atuar, como aconteceu no empate em 0 a 0 com o Grêmio, o técnico Cuca sentiu falta do jogador.

“Faltou um centroavante. O [camisa] 1 e o [camisa] 9, você não faz, precisa ter. O cara que tem instinto de matador, fome de gol. Em jogos como esse, com o adversário fechado atrás, [Raniel] é um cara que segura a bola, prende e vira para chutar”, disse.

Em duas partidas, ele atuou ao lado de outro atacante que pode fazer a mesma função: Alexandre Pato, que voltou ao clube neste ano por 8,6 milhões de euros (cerca de R$ 37 milhões). Mas ele e Pablo, reforço que custou 6 milhões de euros (cerca de R$ 26 milhões) têm ficado fora da equipe por contusão.

Pato pode voltar ao time neste domingo (15), contra o CSA, no Morumbi.

Desde 2016, a diretoria do São Paulo investiu R$ 130,4 milhões (em valores atualizados) para reforçar a posição. Quatro deles ainda estão no elenco (Raniel, Alexandre Pato, Pablo e Gonzalo Carneiro). Este último, comprado por US$ 800 mil (cerca de R$ 3,2 milhões) teve o contrato suspenso por causa de doping.

Antes deles, houve Jonathan Calleri (R$ 2,4 milhões), Kieza (R$ 4 mi), Ytalo (de graça), Andrés Chavez (R$ 2,4 mi), Lucas Pratto (R$ 26,6 mi), Gilberto (de graça), Diego Souza (R$ 10 mi) e Trellez (R$ 6 mi).

saopaulo.blog

Anúncios

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.