Nenê e São Paulo acertam rescisão, e meia fica livre para assinar com Fluminense

Nenê está fora do São Paulo e vai para o Fluminense. O meia assinou a rescisão do contrato com o Tricolor paulista na tarde desta sexta-feira.

Nenê e o São Paulo fizeram um acordo amigável para encerrar o contrato válido até o fim do ano. Esse era o último passo antes de o atleta de 37 anos poder se transferir para o Fluminense. O jogador está fechado com o Tricolor das Laranjeiras e vai assinar até dezembro de 2020, após fazer exames médicos.

O São Paulo calcula uma economia de R$ 3 milhões até o fim do ano com a rescisão de Nenê. No total, ele fez 12 gols em 71 jogos. O camisa 10 saiu do Vasco para o clube do Morumbi no fim de janeiro de 2018. O nome do meia agrada ao técnico Fernando Diniz, defensor da contratação.

Nenê rescinde contrato com o São Paulo e vai para o Fluminense — Foto: Marcos RibolliNenê rescinde contrato com o São Paulo e vai para o Fluminense — Foto: Marcos Ribolli

Nenê rescinde contrato com o São Paulo e vai para o Fluminense — Foto: Marcos Ribolli

 

Fora dos planos do São Paulo para o segundo semestre, Nenê foi liberado para buscar um novo destino e voltou ao radar do Fluminense, clube para o qual quase se transferiu no início do ano. O meia, inclusive, conversou com Celso Barros, vice-presidente do clube de Laranjeiras, no último domingo, no Maracanã, onde esteve para assistir à final da Copa América entre Brasil e Peru.

Nenê será a segunda contratação da nova diretoria do Fluminense, do presidente Mário Bittencourt e do vice Celso Barros. A primeira foi o goleiro Muriel.

O Flu já havia tentado trazer Nenê no começo do ano, ainda na gestão de Pedro Abad. Na época, porém, o jogador voltou a ganhar oportunidades no São Paulo e, com a chegada de Ganso para o meio de campo e as restrições financeiras do clube, a negociação acabou esfriando.

Fonte: Globo Esporte

Anúncios

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.