Futebol Home São Paulo Times

Por propaganda ‘fake’, dono de time chinês é preso e contratar Alexandre Pato pode ficar mais fácil

Shu Yuhui, dono da Tianjin Quanjian, o clube que joga Alexandre Pato, está tendo problemas na China. O empresário é acusado de propaganda falsa com sua empresa pessoal e foi preso junto com outros gerentes da companhia.

Tudo isso poderia agora afetar sua equipe de futebol, incluindo o futuro do atacante, de acordo com Miannews.it.

O jogador ainda tem um contrato com o clube chinês até dezembro de 2019, mas agora o atacante pode ser liberado muito mais facilmente do que antes (a cláusula de rescisão é fixada em 25 milhões de euros).

Depois desse escândalo, o Tianjin Quanjian também tem dificuldade em pagar salários e o brasileiro é um dos mais altos de toda a equipe.
Antes disso, não havia condições para o retorno do jogador para o Brasil – sendo o São Paulo o maior interessado – ou para o Milan, que desejam contar com os serviços do brasileiro.

 

Fonte: ESPN

Anúncios

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.