Futebol Home São Paulo Times

São Paulo precisa vender jogador, mas não quer perder Liziero agora

Promovido neste ano ao elenco profissional, jovem fez boa temporada, tirou passaporte europeu e desperta cobiça de europeus. Ideia do clube é vender Rodrigo Caio

O volante Igor Liziero deve ser um dos jogadores do São Paulo mais cobiçados por equipes do exterior durante esta janela de transferências, mas o clube, mesmo diante da necessidade de lucrar com venda de jogador para acertar as contas, não está disposto a negociar a sua revelação agora.

São basicamente três motivos: a diretoria pretende fazer dinheiro negociando outro jogador, mais especificamente Rodrigo Caio; o técnico André Jardine deseja contar com Liziero em 2019; e o clube imagina que conseguirá vendê-lo por valores superiores quando ele tiver mais rodagem como profissional.

O São Paulo, inclusive, quer ter pelo menos um volante a mais do que teve nesta temporada. Por isso, está no mercado em busca de um atleta dessa posição e prioriza Willian Arão, do Flamengo.

Não significa, porém, que a chance de transferência seja zero. Liziero tirou o passaporte italiano no meio deste ano, o que é um atrativo extra para equipes europeias, e está trabalhando com André Cury, um dos empresários brasileiros mais bem relacionados no Velho Continente. Nos últimos meses, o nome dele esteve frequentemente ligado a clubes italianos.

Se uma boa proposta chegar, o São Paulo possivelmente terá que valorizar o atleta para mantê-lo. Em abril, ele renovou contrato até dezembro de 2023 e recebeu aumento salarial.

Revelado em Cotia, o jovem de 20 anos participou de 40 partidas na equipe profissional em 2018 e marcou dois gols.

 

Fonte: Lance

Anúncios

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.