Futebol Home São Paulo Times

São Paulo oscila, vira “rei dos empates” e vê rivais crescerem em briga pelo Brasileirão

Contra o Botafogo, Tricolor chega à décima igualdade no campeonato; por outro lado, ainda é quem menos foi derrotado: apenas três vezes em 27 rodadas

O São Paulo caiu da primeira para a terceira posição do Brasileirão. Agora está um ponto atrás de Internacional (segundo) e Palmeiras (no topo) com 53 pontos cada – (o rival alviverde leva vantagem no saldo de gols).


A queda acontece justamente no momento em que o São Paulo virou o rei dos empates no Brasileirão. Após o 2 a 2 diante do Botafogo, o Tricolor alcançou dez igualdades na competição (veja todos na tabela abaixo).

Agora o São Paulo é o líder no quesito, ao lado de Cruzeiro (sétimo colocado) e Chapecoense (18ª posição) também com dez cada.

O detalhe é que o São Paulo empatou os últimos três jogos. Dentre as dez igualdades, internamente o Tricolor lamenta principalmente os resultados contra América-MG (1 a 1 no Morumbi) e Paraná (1 a 1 na Vila Capanema diante do lanterna).

Esses quatro pontos são considerados perdidos. A avaliação é de que os outros resultados, incluindo vitórias e derrotas, foram normais.

A oscilação de agora é comparada ao começo do time no primeiro turno. Na ocasião, o São Paulo somou oito jogos de invencibilidade no Brasileirão (quatro empates e quatro vitórias) ou 11 partidas incluindo todas as competições (seis empates e cinco vitórias, com uma eliminação da Copa do Brasil no meio).

O responsável por quebrar essa sequência invicta foi justamente o Palmeiras, rival deste sábado. O alento de agora, no entanto, é a escrita de 16 anos sem perder do rival no Morumbi. São 24 jogos: 15 vitórias e nove empates.

No ano passado, inclusive, o Tricolor provocou o Palmeiras com uma valsa para celebrar os 15 anos sem derrotas em casa no Choque-Rei.

Para assumir a liderança na 17ª rodada, o São Paulo engatou uma série de oito jogos, com seis vitórias, um empate e uma derrota.


Ou seja, embora seja o time com menos resultados negativos no Brasileirão (três), o Tricolor precisa diminuir o número de empates para seguir forte na briga pelo título.

Anúncios

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.