Futebol Home São Paulo Times

Com quatro desfalques, Aguirre usará novamente a versatilidade como sua arma

Tricolor tem quatro baixas e muitas dúvidas diante do Atlético-MG, mas curingas podem ser solução

A versatilidade dos jogadores do São Paulo é a principal arma de Diego Aguirre contra os desfalques e dúvidas. Para encarar o Atlético-MG na quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Independência, o técnico tem quatro baixas certas e muitas dúvidas.


Líder do Campeonato Brasileiro com 46 pontos, três acima do Internacional, segundo colocado, o São Paulo novamente recorrerá à força do grupo.

Estão fora: Diego Souza (suspenso), Everton (estiramento na coxa esquerda), Luan (seleção sub-20) e Arboleda (seleção do Equador).

São dúvidas: Rodrigo Caio (trauma no joelho direito, no qual tem dores por uma pancada sofrida no jogo-treino de segunda passada), Araruna (tendinite no calcanhar esquerdo) e Gonzalo Carneiro (dores musculares)

Fazem tratamento: Anderson Martins (dores no músculo posterior da coxa esquerda) e Bruno Peres (dores no adutor direito), mas o São Paulo ainda não os considera dúvidas ou desfalques.

Por outro lado, Aguirre terá as voltas de Jucilei e Nenê: ambos cumpriram suspensão. Assim como fez contra o Fluminense, o técnico poderá repetir a opção por Reinaldo adiantado, na vaga de Everton, com Edimar na lateral esquerda. Everton Felipe também está à disposição. Tréllez, por sua vez, herdará a vaga de Diego Souza.

Se Bruno Peres não puder atuar, o substituto natural seria Régis (o autor da assistência para Tréllez também pode jogar na segunda linha). Caso Anderson Martins não jogue, Aguirre tem algumas opções: improvisar Edimar ou Jucilei no setor (já exerceram a função anteriormente) ou usar algum garoto da base (Rodrigo e Miguel treinaram com o grupo na segunda-feira).


Com Bruno Peres e Anderson Martins, um possível Tricolor para o jogo teria Sidão; Bruno Peres, Bruno Alves, Anderson Martins e Edimar; Jucilei, Hudson, Nenê, Rojas e Reinaldo; Tréllez.

Anúncios

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.