Futebol Home São Paulo Times

Empate diante do Paraná vira motivação do Tricolor para reagir contra o Ceará

Os jogadores do Tricolor saíram de campo frustrados com o empate por 1 a 1, diante do Paraná, lanterna do Campeonato Brasileiro. Diego Aguirre e companhia admitiram o tropeço em Curitiba, pela 20ª rodada da competição nacional.


“Sem dúvida, o planejamento era a vitória, sabíamos que ia ser difícil, deles, eles iam dar tudo para sair dessa situação, mas nosso plano era fazer três pontos. Infelizmente, não aconteceu”, disse Sidão.

Além de deixar escapar dois pontos importantes, o São Paulo ainda viu o Internacional vencer o Bahia e diminuir a vantagem que era de três, para apenas um ponto (42 a 41).

Esse cenário fez com que a gana por uma vitória no domingo, em cima do Ceará, no Morumbi, aumentasse ainda mais no elenco são-paulino. Uma vitória é fundamental e enfrentar o penúltimo colocado diante de aproximadamente 60 mil torcedores faz com que a confiança em uma reação imediata da equipe aumente.

“Faltou um pezinho ali, a bola estava passando na frente do gol, faltou alguém empurrar a bola para dentro, mas é vida que segue”, afirmou Reinaldo.

O lateral citou o Internacional que encostou no Tricolor na tabela do Campeonato Brasileiro. “Chegaram perto, mas a gente continua na frente. Espero sair com os três pontos no domingo para continuar na frente e no final ser campeão”, disse.

“Tenho certeza que a gente é uma equipe madura, sabe o que quer na partida, no campeonato. Tenho certeza que esse empate não vai afetar em nada”, avisou Reinaldo.

Nesta quinta-feira, às 13h, o São Paulo se reapresenta no CT da Barra Funda. O time fará apenas dois treinamentos com elenco completo antes da partida de domingo, às 11h. Na sexta e no sábado, as atividades serão realizadas no período da tarde.

Anúncios

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.