Futebol Home São Paulo Times

Na raça, São paulo bate o Cruzeiro no Mineirão por 2 a 0

Se algum jogador do São Paulo já passou pelo seu time, tome cuidado. Desde a Copa do Mundo, a lei do ex funciona com gols para o Tricolor, o que não tem deixado o líder Flamengo respirar. Neste domingo, quem sofreu com as lembranças foi o Cruzeiro, que perdeu por 2 a 0.


No Mineirão, Diego Souza, que passou plea Raposa em 2013, balançou as redes aos 26 minutos do primeiro tempo, repetindo a sina do ex: Everton já fez gol sobre o Flamengo, Anderson Martins sobre o Corinthians e o próprio Diego balançou as redes do Grêmio. Everton ainda deixou o seu neste domingo, aos 32 do segundo tempo.

Pressão, Sidão e inversão

O Cruzeiro jogou para explorar os lados da defesa do São Paulo, principalmente sobre Araruna, substituto de Militão. A Raposa ocupou o campo adversário e, de quebra, forçou os pontas do Tricolor a ajudarem na marcação, minando o ponto forte ofensivo de Diego Aguirre. Para completar, Sidão errou em quase todos os lances do primeiro tempo. Aguirre, então, inverteu os pontas, com Everton, mais marcador, na direita, ajudando Araruna.

Contra-ataque perfeito

Bastaram poucos minutos para o ajuste dar certo. Aos 26 minutos, Sidão defendeu falta cobrada por Edilson e Reinaldo lançou. Rojas tabelou de primeira com Nenê e tocou para Diego Souza concluiu nas redes.

São Paulo não perdoa

O São Paulo se fechou para buscar o contra-ataque e acabou cedendo à pressão: Anderson Martins cometeu pênalti em Arrascaeta, aos 26. Mas Barcos cobrou na trave.

O Cruzeiro sentiu, e o Tricolor não perdoou: Rojas puxou contra-ataque e lançou Reinaldo, que bateu em cima de Fábio e, no rebote, tocou para Everton fazer 2 a 0, aos 32.

Agenda e situação na tabela

O São Paulo chega a 31 pontos, a dois do Flamengo, e volta a jogar pelo Brasileiro no próximo domingo, contra o Vasco, no Morumbi. Antes, na quinta-feira, recebe o argentino Colón pela Copa Sul-Americana.

Já o Cruzeiro estaciona nos 24 pontos, fora da zona de vaga garantida na Libertadores, e volta a campo pelo Brasileiro no domingo, contra o Vitória, na Bahia. Na quarta-feira, visita o Santos, pela Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 0 X 2 SÃO PAULO
Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG)
Data-Hora: 29/7/2018 – 16h
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (Fifa-RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (Fifa-RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)
Público/renda: pagantes/R$
Cartões amarelos: Ariel Cabral, Edilson (CRU), Anderson Martins (SAO)
Cartões vermelhos: –
Gols: Diego Souza (26’/1ºT) (0-1), Everton (32’/2ºT) (0-2)

CRUZEIRO: Fábio; Edilson, Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Ariel Cabral, Rafinha (David, no intervalo), Arrascaeta e Mancuello (Raniel, aos 12’/2ºT); Barcos. Técnico: Mano Menezes.

SÃO PAULO: Sidão; Araruna (Shaylon, aos 24’/2ºT), Bruno Alves, Anderson Martins e Reinaldo; Luan (Lucas Kal, aos 40’/2ºT), Liziero e Nenê (Bruno Peres, aos 19’/2ºT); Rojas, Everton e Diego Souza. Técnico: Diego Aguirre.

 

Lance

Anúncios

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.