Futebol Home São Paulo Times

Anderson Martins minimiza suspensão: “Nosso grupo é muito forte”

Anderson Martins é o mais novo desfalque para o técnico Diego Aguirre. Após receber seu terceiro cartão amarelo neste domingo, contra o Cruzeiro, no Mineirão, o zagueiro tricolor terá de cumprir suspensão automática contra o Vasco e embora tenha lamentado o fato de ter de ficar de fora do próximo jogo da equipe, procurou enfatizar a qualidade das peças de reposição.


“Campeonato tem disso. A gente sabe que perder jogadores por cartão é ruim, mas sabemos também que nosso grupo é muito forte para manter o padrão que apresentamos nos últimos jogos”, disse Anderson Martins.

O zagueiro, que defendeu o Vasco na última temporada, também comentou sobre não reencontrar sua antiga equipe. Desde que o São Paulo voltou da pausa para a Copa do Mundo, em todos os jogos um atleta acabou balançando as redes contra seu ex-clube. Everton marcou contra o Flamengo, e Diego Souza fez gols contra o Grêmio e Cruzeiro.

“Graças a Deus nos últimos jogos essa lei [do ex] valeu muito. Infelizmente, não vou poder jogar, mas vou estar na torcida e tenho certeza que quem entrar vai fazer o melhor para ajudar a equipe a sair com a vitória”, prosseguiu o zagueiro.

Por fim, Anderson Martins comentou sobre o lance que culminou no pênalti para o Cruzeiro. Na ocasião, ele acabou chegando atrasado e derrubando o uruguaio De Arrascaeta dentro da área. Barcos foi para a cobrança, porém, carimbou o travessão.


“Acho que foi um lance que o Arrascaeta chegou antes que eu na bola, mas, ao meu ver, não tive contato com ele, pelo menos não senti. Foi interpretação do árbitro, acho que para ter pênalti tem que ter contato. Mas, graças a Deus, não tomamos o gol e logo depois fizemos o segundo. O grupo está de parabéns pela força, quem entrou foi muito bem e nos ajudou bastante”, concluiu.

 

Gazeta Esportiva

Anúncios

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.