Futebol Home São Paulo Times

Éder Militão é vendido ao Porto e fará último jogo contra o Vasco

Segundo o Globoesporte.com, o São Paulo acertou nesta terça-feira a venda de Éder Militão para o Porto. Com contrato até janeiro do ano que vem, o jovem polivalente já podia assinar um pré-acordo com qualquer outro clube e deixar o Morumbi sem render um único centavo.

Os valores da negociação giram em torno de R$ 17,7 milhões (cerca de 4 milhões de euros), mais um percentual de 10% em uma futura venda de Militão. O Tricolor também contará com o atleta por mais quatro partidas, contra Grêmio, Cruzeiro e Vasco, pelo Brasileirão, e Colón, pela Sul-Americana. A despedida está marcada para o dia 5 de agosto, no Morumbi.

Além das cifras pagas ao São Paulo, o clube português pagará mais 3 milhões de euros (cerca R$ 13,1 milhões) destinados aos empresários de Militão e ao jogador.

Desde o ano passado, a diretoria tricolor tentava renovar com o atleta, mas todas as propostas foram recusadas. Com a saída de Militão, Diego Aguirre contará para a lateral-direita com o recém-chegado Bruno Peres, Régis, que volta após ser afastado com problemas pessoais, e Araruna, volante de origem e improvisado na posição.

Revelado em Cotia, Militão disputou 54 jogos com a camisa do São Paulo e marcou quatro gols, sendo dois neste ano, contra CRB e Fluminense.

Anúncios

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.