Futebol Home São Paulo Times

Aguirre explica troca tática, se diz orgulhoso do São Paulo, mas não quer pensar na briga pelo título brasileiro

Reinaldo atuou mais avançado e fez dois gols na vitória por 3 a 1 sobre o Corinthians

O técnico Diego Aguirre explicou os motivos por ter colocado o lateral-esquerdo Reinaldo jogando mais avançado no clássico contra o Corinthians, neste sábado, no Morumbi, pelo Brasileirão. O jogador marcou dois gols e comandou a vitória por 3 a 1 que mantém o Tricolor na segunda colocação, um ponto abaixo do Flamengo.


– Foi uma opção colocar Reinaldo na segunda linha, onde tem jogado em outros times, não é uma posição desconhecida. Eu quis refoçar o lado esquerdo, por causa de Fagner… Mas nunca imaginaria que Reinaldo faria dois gols. Teve sorte… E, quando o treinador faz uma mudança e ganha o jogo, é bom. Mas, se tivesse perdido, falariam que foi um esquema defensivo, essas coisas – afirmou o técnico.

– Não foi uma improvisação. Falei com o Reinaldo, eu gosto de ter conversas individuais para não forçar o jogador a jogar onde não gosta. Ele falou que gosta, fez em outros clubes. Reforçamos o lado de Fagner, que é muito importante para o Corinthians, e deu certo – reforçou Aguirre.

O treinador, porém, não quer pensar por enquanto sobre ser um dos favoritos ao título brasileiro.

– Quando perguntavam se a parada da Copa seria boa, eu dizia que sim, porque a gente jogava sem treinar. E agora o time está melhor, porque o trabalho tem que ser visto no campo e isto está acontecendo. Sobre ser candidato ao título, não gosto de falar disso, nem favorito. Na Copa do Mundo, quantos favoritos ficaram fora: Alemanha, Argentina… Não gosto de falar disso.

Aguirre destacou o empenho da equipe e acredita que o São Paulo venha assimilando o estilo de jogo uruguaio.

–Nós (uruguaios) sentimos o futebol a partir da entrega, do sacrifício, de brigar por cada bola. Os jogadores estão dando o máximo. Eu sinto orgulho por eles, me sinto identificado com um time que quer ganhar e luta por isso. Vamos ganhar e perder. O que não pode mudar é a entrega, o sacrifício a cada jogo, a cada bola. Mas também estamos jogando bem.

A vitória levou o São Paulo para a quarta vitória consecutiva no Brasileirão. O Tricolor tem agora 29 pontos, apenas um abaixo do líder Flamengo, que bateu o Botafogo, no Maracanã.


– Essa vitória foi importantíssima. Mas, para mim, foi tão importante como aquela que conseguimos no Maracanã, pela importância da tabela. Poderíamos ter perdido e ficado muito longe. Valorizo muito o jogo de quarta e também o de hoje. Sei que é um clássico, significa muito para a torcida. Temos de estar em cima, brigando. Essa vitória foi espetacular e temos de continuar assim.

 

Globo Esporte

Anúncios

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.