Futebol Home São Paulo Times

Tabu que se mantém: Brasil nunca foi campeão do mundo sem jogadores de Palmeiras e São Paulo

A eliminação da seleção brasileira contra a Bélgica, na Copa do Mundo, reforçará um histórico tabu que envolve São Paulo e Palmeiras.

Isso por que o Brasil nunca conseguiu ser campeão do Mundial sem pelo menos um jogador de cada um destes dois clubes em seu elenco.

Em 1958, o atacante Mazzola representou o time alviverde enquanto o zagueiro Moaxir, o lateral De Sordi e o meia Dino Sani eram do tricolor paulista. Em 1962, Djalma Santos, Zequinha e Vavá eram os atletas palestrinos, enquanto Bellini e Jurandir eram são-paulinos.

No esquadrão de 1970, o goleiro Emerson Leão e o zagueiro Baldocchi representaram o Palmeiras, enquanto o meia Gerson, o São Paulo.

No tetra, em 1994, o lateral Leonardo e o atacante Muller pertenciam à equipe tricolor, enquanto Mazinho, ao alviverde.

Finalmente, no pentacampeonato de 2002, Rogério Ceni, Beletti e Kaká eram atletas do São Paulo, enquanto o goleiro titular Marcos era jogador do Palmeiras.

Anúncios

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.