Futebol Home São Paulo Times

Veja a projeção do elenco tricolor no segundo semestre

Texto: Caio de Castro

Enquanto rola a Copa do Mundo na Rússia, os times brasileiros agem para reforçarem seus elencos. A contratação de Joao Rojas, anunciada na última sexta-feira, supostamente resolve o problema de Diego Aguirre após as saídas de Marcos Guilherme e Valdívia. É preciso dar tempo ao atacante equatoriano e também torcemos para que não seja outro Wilder, Pabón, Tréllez ou Centurión. Veja abaixo a projeção do elenco tricolor após a disputa do Mundial:

Mesmo criticado, Sidão deve continuar como titular no São Paulo. O goleiro tem respaldo da diretoria e do treinador e o reserva Jean parece não estar pronto agora. A terceira opção é Lucas Perri, constantemente pedido pela torcida, mas sem nenhum jogo no profissional. Ele também é visto como uma aposta do futuro, e enquanto isso, disputa torneios de outras categorias.

A lateral-direita é vista como o principal problema do elenco, e por isso, alguns jogadores foram especulados. Enquanto Militão estiver no Tricolor será titular, já que o reserva Bruno não tem nenhum prestígio. Podendo assinar um pré-contrato com qualquer outra equipe, o jovem lateral pode sair de graça do São Paulo, e com isso, a diretoria mira a contratação de outro atleta. William (ex-Inter) e Rômulo foram nomes especulados.

Na esquerda, Reinaldo se firmou como titular mas ainda é questionado. O lateral dá boa assistência ofensiva, só que às vezes deixa espaços atrás. Edimar e Júnior Tavares são as opções do banco e vivem má fase. O primeiro está machucado e não tem prestígio da torcida; o segundo quase saiu e não tem rendido em campo.

Deficiente em quase todos os anos recentes, a defesa tricolor parece ter se acertado. Bruno Alves, Arboleda e Anderson Martins têm se alternado na titularidade e deram mais consistência ao setor. Rodrigo Caio, que se recupera de uma cirurgia no pé, é um dos jogadores que deve sair durante a disputa do Mundial na Rússia. Walce e Rodrigo, dupla de zaga do sub-20, pede passagem no profissional.

A volância do São Paulo tem bons nomes e teoricamente não precisa ser reforçada. Com Jucilei e Hudson titulares, Aguirre ainda conta com Liziero e Petros como opções. O jovem tem se saído bem e pede passagem; o veterano “pai de família” vive má fase e tem proposta para sair pro mundo árabe.

O meio campo tem dono: Nenê. O camisa sete está chamando a responsabilidade, é o artilheiro do Tricolor no Brasileirão e é titular indiscutível, mas as opções no banco ainda não são consistentes. Lucas Fernandes e Shaylon alternam bons e maus momentos e por isso, a diretoria corre no mercado para contratar outro meia. Cueva é praticamente carta fora do baralho, já que é o grande nome de venda para o São Paulo. O peruano já foi eliminado da Copa, mas tem mais um jogo para apresentar seu futebol a algum clube interessado.

O lado esquerdo do ataque também tem dono e é o recém chegado Éverton. Em pouco tempo mostrou ser uma grande contratação de Raí e valeu os R$ 15 milhões investidos. Já o lado direito ficou desfalcado após as saídas de Marcos Guilherme e Valdívia, ambos para o mundo árabe. Aguirre testou Araruna e Tréllez nessa função, mas sem sucesso ofensivo; Araruna foi bem na recomposição defensiva e até jogou de lateral contra o Vitória. Tem sido usado como coringa, mas a chegada de Joao Rojas deve tirar o espaço do volante. O atacante equatoriano estava no Talleres, da Argentina, e vem para dar velocidade ao time. Com Éverton e Rojas, Aguirre estaria bem servido – isso se Rojas realmente for bom jogador.

Mais à frente, Diego Souza está dando conta do recado. O camisa nove quase saiu do São Paulo, mas retomou a confiança e se mostrou mais intenso nas partidas. É o vice-artilheiro do Tricolor na temporada e ganha de braçadas de seu concorrente TréllezGonzalo Carneiro, visto como grande promessa do futebol uruguaio, está se recuperando de uma pubalgia e deve estrear após a Copa. Se render, Diego Souzapode ser testado como meia.

Dessa forma, um possível “time ideal” para o Tricolor no segundo semestre é: Sidão (Jean), Militão, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Jucilei, Hudson e Nenê; Éverton, Joao Rojas e Diego Souza.

Anúncios

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.