Futebol Home São Paulo Times

Combustível de sobra: trio do São Paulo comanda virada sobre Botafogo

Diego Souza, Everton e Nenê dão show no primeiro tempo no Morumbi e balançam as redes para deixar o time na liderança ao fim do jogo; cariocas não vencem há três jogos

No São Paulo, não falta combustível para chegar à liderança do Campeonato Brasileiro. Diego Souza, Everton e Nenê comandaram a vitória de virada por 3 a 2 sobre o Botafogo, nesta quarta-feira, que alçou o time à ponta da tabela no final da partida. O time carioca não vence há três jogos

O resultado expõe um jogo que teve quase de tudo. Incluindo o golaço de Valencia, que abriu o placar para o time carioca aos 15 minutos do primeiro tempo. Mas o Tricolor definiu o placar antes do intervalo: Nenê converteu pênalti sofrido por Everton aos 19, Diego Souza virou com gol de peito, aos 30, e Everton ampliou aos 48 minutos. No segundo tempo, aos 37, Pimpão descontou.

Primeiro tempo teve tudo

O jogo começou com um susto de João Pedro, que trombou com Anderson Martins, ficou desacordado e precisou sair de ambulância. Até que o Botafogo começou a ganhar campo, marcar adiantado e abrir o placar com um golaço de fora da área de Valencia, aos 15.

O lance acordou o Tricolor, e seu trio ofensivo. Everton foi tocado na área e o árbitro marcou pênalti, que Nenê converteu para injetar ânimo em time e torcida, aos 19.

O time carioca não conseguia nem manter a posse de bola ou seu posicionamento e sofria com as investidas tricolores pelos lados. Assim, Marcos Guilherme cruzou para Diego Souza se jogar na bola, desviando com o peito para virar, aos 30. Depois, quando o Bota tentava ir à frente, Diego Souza deixou para Everton fazer mais um, aos 48.

Segundo tempo do quase

O São Paulo voltou do intervalo com ritmo ofensivo e Nenê, que já tinha acertado a trave no primeiro tempo, voltou a carimbar o travessão, em cobrança de falta. Na pressão tricolor, Diego Souza não fez mais um, em cabeçada certeira, porque Jefferson operou milagre.

Mas o Botafogo não desistiu. Já tinha carimbado a trave com Valencia e, aos 37, Pimpão subiu mais do que a defesa para descontar. O Tricolor, porém, segurou a vitória.

Agenda e situação na tabela

O São Paulo terminou o jogo na liderança, com 16 pontos, e joga sábado, às 21h, diante do Palmeiras, no Allianz Parque. O Botafogo tem nove pontos e entra em campo às 19h de sábado, contra o Vasco.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 3 X 2 BOTAFOGO
Local: Morumbi, São Paulo (SP)
Data-Hora: 30/5/2018 – 21h
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Bruno Rezende Pires (Fifa-GO)
Público/renda: 25.427 pagantes/R$ 547.988,00
Cartões amarelos: Nenê e Shaylon (SAO), Marcos Vinícius, Carli e Matheus Fernandes (BOT)
Cartões vermelhos: –
Gols: Leonardo Valencia (15’/1ºT) (0-1), Nenê (19’/1ºT) (1-1), Diego Souza (30’/1ºT) (2-1), Éverton (48’/1ºT) (3-1), Rodrigo Pimpão (37/2ºT) (3-2)

SÃO PAULO: Sidão; Régis, Arboleda, Anderson Martins e Edimar; Jucilei, Petros e Nenê (Shaylon, aos 17’/2ºT); Marcos Guilherme, Everton (Valdívia, aos 37’/2ºT) e Diego Souza (Liziero, aos 30’/2ºT). Técnico: Diego Aguirre.

BOTAFOGO: Jefferson; Marcinho, Igor Rabello, Joel Carli e Moisés; Rodrigo Lindoso (Rodrigo Pimpão, aos 34’/2ºT), Matheus Fernandes, Valencia, João Pedro (Marcos Vinícius, aos 8’/1ºT) e Luiz Fernando (Aguirre, aos 10’/2ºT); Kieza. Técnico: Alberto Valentim.

Fonte: Gazeta Esportiva

Anúncios

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.