Futebol Home São Paulo Times

Anderson Martins descorda de expulsão: “Juiz foi rigoroso”

Fonte: ESPN

Anderson Martins foi expulso já no final do San-São por conta de uma entrada no jovem Rodrygo. Recebendo seu segundo cartão amarelo, o zagueiro, que já havia sido amarelado por conta de uma solada em Gabigol, encerrou seu retorno ao time titular após um trauma sofrido na coxa esquerda de maneira indesejável. Ao falar com os jornalistas, ele demonstrou sua indignação com o árbitro, categorizando a postura do ‘homem do apito’ como bastante rigorosa.

“O juiz foi um pouco rigoroso. Peguei na bola, mas é isso, conquistamos os três pontos. Temos que continuar com esse foco, com essa pegada, para conquistarmos nossos objetivos no campeonato”, disse Anderson Martins.

Após quase dois meses fora dos gramados por conta de uma lombalgia, Anderson Martins conquistou espaço com Diego Aguirre no empate com o Atlético-MG, pela quarta rodada do Brasileirão, já que Militão acabou cortado minutos antes do jogo. A atuação contundente contra o Galo o credenciou para se manter no time contra o Rosario Central, pela Sul-Americana, mas diante dos argentinos teve de ser substituído na metade da partida por conta de uma pancada na coxa.

Tendo de lidar com mais uma interrupção nesta temporada, Anderson Martins se manteve focado e ciente de que em breve teria uma nova oportunidade. Ausente do empate em 2 a 2 com o Bahia, na última rodada do Brasileiro, o zagueiro retornou neste domingo e ao lado de Bruno Alves não deixou Rodrygo, Gabigol e Sasha ameaçarem com tanta intensidade o gol defendido por Sidão.

“Ninguém quer tomar cartão. Acho que o árbitro foi rigoroso no segundo cartão. Nas duas jogadas fui na bola, infelizmente peguei a bola e depois teve o contato. Mas prefiro ficar com a atuação da equipe, fizemos um grande jogo e, graças a Deus, conquistamos os três pontos”, concluiu o camisa 4 do São Paulo.

 

Anúncios

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.